Playoffs: Vai ou racha? Detroit Lions – Pro Football: NFL | Brasil | College | Futebol Americano
NFL

Playoffs: Vai ou racha? Detroit Lions

Faltando duas semanas para o final da temporada regular da NFL, o Pro Football está analisando as chances de cada equipe em conseguir a classificação para os playoffs. Baseado nas expectativas sobre a performance de cada uma delas, terminaremos com um veredito: vai ou racha? Neste post, o foco é o Detroit Lions.

Com 9 vitórias e 5 derrotas, a equipe do técnico Jim Caldwell ocupa a liderança da Divisão Norte da Conferência Nacional, 1 jogo à frente do Green Bay Packers. A equipe pode, já neste fim de semana, conquistar a vaga na pós-temporada. A maneira mais simples dos Lions chegarem aos playoffs é ganhando a divisão. Isso pode, inclusive, acontecer após o Monday Night Football da ressaca… quer dizer, do dia 26/12. Se Green Bay tiver perdido no sábado, basta a Detroit uma vitória na segunda-feira para garantir o título da NFC North. Quando pensamos em quem são os adversários, as coisas não parecem tão simples, mas vamos deixar isso pra daqui a pouco. Caso Lions e Packers tenham o mesmo resultado (vitória, derrota ou empate) no final de semana, as duas equipes se enfrentarão na semana 17, no que se tornaria a decisão da NFC North (este jogo será no Ford Field, em Detroit). Os Lions podem ainda conseguir a classificação como wild card, na dependência de uma combinação de resultados. Basicamente os torcedores da equipe devem “secar” Washington e Tampa Bay. Além disso, as possibilidades podem se alterar para a semana 17, mas nem adianta tentar prever os possíveis cenários neste momento.

Certo, já enrolamos bastante por aqui. Vamos ao nosso veredito sobre o destino do Detroit Lions na temporada. Apesar das grandes vitórias conquistadas, além da ótima performance do quarterback Matthew Stafford durante boa parte da temporada, a expectativa é que os Lions acabem morrendo na praia.

“Peraí, mas os Lions estão tão perto da vaga? Por que vão ficar de fora?” Bem, pra justificar a nossa resposta, vale lembrar quem são os adversários de Detroit nas duas últimas semanas da temporada. No Monday Night Football, os Lions vão ao Texas enfrentar o forte Dallas Cowboys, que briga pela melhor campanha da Conferência Nacional. Já na semana 17, os Lions recebem o Green Bay Packers, que conseguiu se recuperar após um momento muito ruim na temporada, vindo, até este momento, de 4 vitórias seguidas.

Além das dificuldades relacionadas aos adversários, os Lions têm alguns problemas intrínsecos. O primeiro deles se refere àquele que tem sido o ponto mais forte da equipe até agora: Matthew Stafford. O quarterback dos Lions vem tendo sua melhor temporada em 2016, com ótimos números e diminuição importante no número de erros. Entretanto, desde que, há duas semanas, Stafford sofreu uma contusão em um dos dedos da mão direita, sua performance vem piorando. No último domingo, contra os Giants, viu-se um quarterback claramente desconfortável com seu movimento de lançamento. Sem Stafford jogando no nível alto visto anteriormente, é difícil imaginar os Lions se mantendo competitivos. Outro problema é a própria equipe dos Lions e o seu “fator sorte”.

A equipe conquistou diversas vitórias nos momentos finais, com grandes dificuldades, mesmo contra adversários mais fracos. É claro que há mérito nestas vitórias. Entretanto, utilizando-se uma ferramenta analítica como o DVOA (Valor sobre a média ajustado para a defesa), do Football Outsiders, é possível ver que Detroit talvez não seja uma equipe tão boa quanto seus resultados poderiam indicar. De acordo com o DVOA, os Lions são a VIGÉSIMA SEXTA melhor equipe da NFL (26 de um total de 32!).

Juntando esses fatores, a previsão de que os Lions ficarão de fora dos playoffs não fica tão estapafúrdia assim. Claro, são os jogos que vão dizer o que vai acontecer e, certamente, os Lions podem fazer a gente se surpreender bastante. Vamos ver.

Comentários? Feedback? Siga-nos no twitter em @profootballbr e curta-nos no Facebook.
Playoffs: Vai ou racha? Detroit Lions
Topo