Entre em contato

NFL

Os 10 textos mais lidos do ProFootball em 2016

Os 10 textos mais lidos do ProFootball em 2016

Embora para mim o ano novo seja apenas o dia seguinte ao Super Bowl, o 31 de dezembro marca a final do o Super Bowl em si da maioria das pessoas: é a virada de ano, com muitas resoluções para 2017 que todos nós sabemos que falharão. Sou realista, fazer o quê.

Enfim, aproveitando essa pegada, vamos relembrar abaixo os 10 textos mais lidos aqui no site. O “corte” é 1 de janeiro de 2016 a 31 de dezembro do ano passado. Se você não leu alguns deles, não perca tempo e leia agora. Se já leu, vale a pena ler de novo.

Para ler é muito simples: basta clicar no título de cada um deles.

10- Os 15 maiores busts (farsas) da história do Draft da NFL | Antony Curti

Um texto que significa muito para mim. Antes mesmo de entrar na faculdade ou qualquer coisa do gênero, fiz este texto como tópico em uma comunidade no falecido Orkut. Foi ali que senti pela primeira vez a paixão sobre escrever tendo como pauta o futebol americano.

Esta versão, publicada em 2016, pode ser considerada como a “definitiva” do texto que começou tudo isso que você vê em sua tela.

9- Entenda de uma vez o que são os Bowls do College Football | André Bassi

O que o 10º texto mais lido significa para mim, talvez o nono signifique para o Bassi. Depois de longa passagem em The Concussion e aqui no ProFootball, o Bassi comanda um site sobre College Football e outros esportes universitários, o The Fraternity.

Basicamente, este texto explica o porquê de haver aquela quantidade faraônica de jogos de futebol americano universitário no final do ano. Em resumo, tudo começou com o Rose Bowl e depois vieram os demais, dado o sucesso do primeiro. Assim, por tradição, a pós-temporada do College Football ficou pulverizada.

8- Primeira Leitura: Os Melhores Quarterbacks contra a 3ª descida, a blitz, a pressão, a divisão e outras estatísticas avançadas | Antony Curti

É, eu tenho que voltar com essa coluna, ela foi criada para ser o carro-chefe do site. Aliás, ela voltará nos Playoffs, sempre na segunda com o final de semana ainda quente. E para fazer valer a pena, fica “dormente” na intertemporada. Assim chegamos com força na temporada regular.

Esta, a propósito, foi uma versão especial no meio da offseason. Decidi ir atrás de algumas estatísticas interessantes. Pra mim a maior descoberta – a qual fez com que a ótima temporada de Matt Stafford não fosse tanta surpresa para mim depois – é a estatística dos quarterbacks na red zone.

Uma dúvida corriqueira dos fãs é o porquê de cada “apelido” de time. Alguns são óbvios, como a relação dos Patriots em Boston com a Revolução Americana de 1976. Outros têm história mais interessante, como a os Giants emprestando o nome dos colegas do beisebol – que se tornariam San Francisco Giants no meio do século – e o “patrocínio” de uma fábrica de empacotamento para o time de Green Bay.

6- Como os donos de franquias da NFL ganharam sua fortuna antes do esporte | Antony Curti

O fato das franquias da NFL não serem clubes – mas, sim, empresas – faz com que surja a dúvida: da onde esses caras tiraram dinheiro pra comprar esses times que custam tão caro?

Petróleo, Papel, Fast-Food e algumas famílias quase centenárias como proprietárias: confira a história do seu time e de quem manda nele.

5- Os 5 Piores Quarterbacks da História da NFL | Gabriel Moralez

Não tem lero-lero: quando um quarterback ruim está jogando, ele vira sensação na hora. Afinal de contas, mais do que ver um mito acertando, é se divertir com os erros de um quarterback que não joga no seu time.

Aqui, elencamos os 5 piores da história. Alguns com certeza você já vai acertar de longe.

4- Entenda por que temos poucas partidas de pré-temporada da NFL na TV Brasileira | Antony Curti

Como a intertemporada da NFL é absurdamente longa, a gente fica maluco quando há alguma coisa para assistir. Nem que seja pré-temporada.

E aí surge um festival de críticas às TVs brasileiras pelo fato de haver poucas partidas transmitidas. Bem, não é tão fácil assim, dado que os jogos são transmitidos localmente nos EUA (em maioria).

3- Por que as pessoas amam odiar Tom Brady? | Antony Curti

O título diz tudo.

Talvez o primeiro texto “sucesso” do ProFootball depois dele substituir o The Concussion. Modéstia completamente a parte, é um dos meus textos preferidos. Claro: gosto de escrever sobre o esporte, mas falar sobre o esporte com uma pitada de sociologia e psicologia, bem, aí é o que eu realmente amo fazer.

2- O que o filme “Concussion” com Will Smith não te contou | Antony Curti

Primeiramente, obrigado à HBO pelas inúmeras reprises deste filme. Toda vez que acontece, alguém digita no Google e cai no nosso site. Em termos de Google, aliás, foi o texto que mais gerou visitas.

Basicamente, por ser Hollywood e precisar de um roteiro com conflito, o filme com o maluco no pedaço esquece que a NFL foi sacana com as concussões mas que, desde meados desta década, vem tentando combater a lesão. Para o leigo que assiste, parece que até hoje a negligência é gigantesca. Não é o caso – ainda mais se compararmos com a FIFA, lembre que houve duas concussões sérias na Copa de 2014, uma inclusive na final.

1- Traduzimos a entrevista de Tony Romo concedendo a titularidade a Prescott e ela vai quebrar seu coração | Antony Curti

Poucas vezes chorei ao escrever um texto. O título diz tudo.


“RODAPE"

Comentários? Feedback? Siga-me no twitter em @CurtiAntony, ou nosso site em @profootballbr e curta-nos no Facebook.

Leia também

Mais em NFL