10 jogadores para ficar de olho na Bowl Season

É a última oportunidade para você assistir quem estará no Draft em abril

Temporada de universitários começando efetivamente, com os melhores jogos por vir e claro, com cobertura aqui no Pro Football.

Todo ano, os melhores jogadores do college football se encontram para jogos na pós temporada que muitos vezes são chamarizes para que os fãs não habituais do futebol americano universitário com os prospectos.

Os olheiros também aproveitam o período para fazer contatos com estes jogadores, conversar com treinadores e os observarem no dia a dia. Cada detalhe é anotado, desde a postura nas entrevistas e tratamento com o staff da universidade, passando por sua atitude em treinos e aquecimentos, até a performance propriamente dita no jogo.

Os jogadores também tiram proveito da mídia ao seu redor e sabem que uma performance de qualidade em rede nacional criará hype ao seu redor e isso muitas vezes é fundamental na decisão de se declarar elegível ou retornar para mais um ano na universidade.

Separei 10 jogadores que merecem uma atenção especial nestes jogos. Fique de olho, eles podem estar no seu time na NFL no próximo ano!





Para ver todos, use os botões acima de “anterior” e “próximo”. Não se preocupe: a página não será carregada novamente 🙂

Anterior
Próximo

Dwayne Haskins (quarterback, Ohio State Buckeyes)

Quando? 01 de janeiro, as 20:00 no Rose Bowl, vs Washington Huskies (transmissão na ESPN 2)

Por qual motivo devo assisti-lo?

Com Justin Herbert (Oregon Ducks) descartando sua ida para o neste ano, Dwayne Haskins passou a ser a principal esperança numa classe com pouco talento na posição de. Tendo apenas um ano de titularidade, ele conduziu os Buckeyes a uma temporada com doze vitórias e apenas uma derrota, culminando no título da Big Ten.

Se as performances de começo de ano eram oscilantes, na reta final Haskins brilhou, atropelando Michigan e Northwestern. Trata-se de um em curva crescente, com boa presença de e precisão acima da média. Desenvolveu boas leituras e seus ajustes pré snap estão evoluindo, com audibles na linha de. Seu braço é bom e é capaz de fazer todos lançamentos na NFL. Precisa melhorar um pouco seu trabalho de pés e não é tão móvel, mas trata-se de uma excelente aposta para um time que precise de um para o seu futuro.

David Montgomery (running back, Iowa State Cyclones)

Quando? 28 de dezembro, meia noite no Valero Alamo Bowl, vs Washington State Cougars (transmissão na ESPN Extra em inglês)

Por qual motivo devo assisti-lo?

Muito produtivo como titular de Iowa State nas duas últimas temporadas, Montgomery é um dos com maior números de quebrados no ano do college football. Veloz e inteligente, pode jogar tanto em equipes que atuem utilizando esquemas de corrida em zona quanto nas que priorizam o scheme.

Teve mais mais de 1000 jardas e 12 na temporada e um bom jogo no bowl deve impulsionar sua declaração de elegibilidade para o.

Cody Ford (offensive, Oklahoma Sooners)

Quando? 29 de dezembro, 23:00 no Orange Bowl, vs Alabama Crimson Tide (transmissão na ESPN 2)

Por qual motivo devo assisti-lo? Não muito badalado antes de a temporada começar, Ford teve performances sensacionais no dinâmico ataque do treinador Lincoln Riley. Trata-se de um jogador com tamanho e peso que os olheiros adoram, processamento mental adequado e muita força de jogo. Precisa de algum refino no trabalho de pés, mas nada grave. Enfrentar a excelente defesa de Alabama será um teste de fogo que pode indicar se ele está pronto para NFL ou não.

Collin Johnson (wide, Texas Longhorns)

Quando? 01 de janeiro, as 23:45 no Sugar Bowl, vs Georgia Bulldogs (transmissão na ESPN 2 em inglês)

Por qual motivo devo assisti-lo? Com 1,98m de altura, Johnson é uma verdadeira máquina de criar duelos favoráveis ao ataque. Usando muito bem seu corpo, ele consegue criar separação protegendo a linha de passe e evitando que marcadores menores possam ter qualquer chance de corte.

Apesar de não tão veloz, consegue correr boas rotas e ser arma em profundidade. Tem boas mãos, com raros e ainda quebra, conseguindo jardas após a recepção. Trata-se de um nome que deverá ser muito falado no começo do dia 2 do caso se declare.

Quinnen Williams (interior defensive lineman, Alabama Crimson Tide)

Quando? 29 de dezembro, 23:00 no Orange Bowl, vs Oklahoma Sooners (transmissão na ESPN 2)

Por qual motivo devo assisti-lo? Se antes do começo da temporada não havia dúvidas que Ed Oliver era o interior defensive lineman número um deste processo, Quinnen Williams fez questão de plantar essa dúvida na cabeça de olheiros e torcedores.

Com uma temporada absolutamente fantástica, ele foi dominante na linha de. Tem um primeiro passo fabuloso e muita técnica no uso de mãos. Jogador moderno, é capaz de criar pressão pelo meio e fabuloso contra corrida. Tem mais dois anos de elegibilidade, mas a expectativa é que declare-se já e seja um top 5 no.

Clelin Ferrell (edge, Clemson Tigers)

Quando? 29 de dezembro, 19:00 no Cotton Bowl, vs Notre Dame Fighting Irish (transmissão na ESPN 2)

Por qual motivo devo assisti-lo? Jogador já esperado no do ano passado, foi convencido pelo seu treinador Dabo Swinney a voltar para mais um ano e fez parte de uma das melhores linhas defensivas dos últimos anos. Pass rusher explosivo, tem um primeiro passo muito forte e muito controle no arco, conseguindo converter velocidade em potência. Foram 10 nessa temporada. Já declarou que este é seu último ano por Clemson e a expectativa é que esteja no top 10 no próximo.

Jachai Polite (edge, Florida Gators)

Quando? 29 de dezembro, 15:00 no Peach Bowl, vs Michigan Wolverines (transmissão na ESPN 2)

Por qual motivo devo assisti-lo? Parte fundamental no ressurgimento dos Gators sob o comando de Dan Mullen, Jachai Polite cravou seu nome como um dos melhores prospectos na posição de. Jogador muito agressivo e com excelente motor, teve alta produtividade, com 11 e incríveis cinco forçados. Tem espaço para evolução e o time que o pegar deverá ter jogador com capacidade de se tornar uma peça chave na sua defesa por longo período.

Devin White (linebacker, LSU Tigers)

Quando? 1 de janeiro, 16:00 no Fiesta Bowl, vs UCF Knights (transmissão na ESPN 2)

Por qual motivo devo assisti-lo? Com Mack Wilson (Alabama) dando a entender que deverá retornar para mais um ano de college, Devin White passa a ser o prospecto mais quente na posição. Apesar de ter mostrado alguma inconsistência durante a temporada, especialmente contra o jogo aéreo, trata-se de um jogador com capacidade física acima da média, que evoluiu em suas leituras-chaves e tem excelente técnica saindo de bloqueios e finalizando.

Não há como negar que White tem um teto altíssimo e eu não me espantaria se o visse sair na primeira rodada.

Byron Murphy (cornerback, Washington Huskies)

Quando? 01 de janeiro, as 20:00 no Rose Bowl, vs Ohio State Buckeyes (transmissão na ESPN 2)

Por qual motivo devo assisti-lo? Jogador com capacidade de atuar com a mesma eficiência em zona ou cobertura man, Murphy tomou a PAC-12 de assalto, sendo inclusive responsável pelo do título de seu time na final de conferência.

Tem ótimo trabalho de pés, mudança de direção suave e velocidade, além de ótimo radar da bola. O único questionamento é em relação a sua altura (1,80m) que pode desagradar alguns olheiros mais conservadores. Não existem dúvidas quanto a sua qualidade em campo e ele deve brigar com Greedy Williams (LSU) para ser o primeiro escolhido no.

Deionte Thompson (safety, Alabama Crimson Tide)

Quando? 29 de dezembro, 23:00 no Orange Bowl, vs Oklahoma Sooners (transmissão na ESPN 2)

Por qual motivo devo assisti-lo?

Nick Saban tem a mão para escolher jogadores especiais e Thompson é mais um deles. Safety com capacidade de cobrir o fundo do campo todo sozinho, ele tem um processamento mental de alto nível e é capaz de antecipar jogadas, conseguindo a bola de novo para sua defesa.

Ótimo tackleador, é capaz de jogar próximo a linha de e dar um bom suporte contra o jogo corrido, além de ter boa capacidade cobrindo em marcação homem a homem tight ends e. Mais um jogador que deve sair no top 10.

Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed Instagram Feed

Zeen is a next generation WordPress theme. It’s powerful, beautifully designed and comes with everything you need to engage your visitors and increase conversions.