Uma senha sera enviada para seu e-mail

Enquanto Kirk Cousins teve uma estreia bem segura no comando dos Vikes, Buffalo levou uma bela de uma surra dos Ravens em Baltimore

Todo o sofrimento dos últimos meses valeu a pena assim que as equipes voltaram aos gramados. A NFL fez a alegria de todos com algumas partidas épicas na semana 1 – o que Aaron Rodgers fez no Lambeau Field certamente ficará marcado por toda a eternidade. No geral, enquanto a maioria dos candidatos ao título começou 2018 com o pé direito, outras equipes mostraram que, na prática, a perspectiva é bem pior do que se projetava inicialmente.

Claro que as performances na primeira rodada refletem diretamente nas cotações das casas de aposta – especialmente nos odds para o título do Super Bowl 53. Por exemplo, a equipe que deu o salto mais significativo na semana 1 foi o Minnesota Vikings.

Apesar do elenco extremamente talentoso nos dois lados da bola oval, os Vikes em nenhum momento apareceram entre os principais favoritos ao longo da intertemporada pela indefinição de Kirk Cousins no comando do ataque. Bastou uma atuação sólida do para o time subir da 6ª para a 2ª posição na lista de favoritos – apenas atrás do New Patriots – com valores despencando de R$13 para R$9,50 a cada real apostado segundo o site especializado Oddsshark.com. Veja quais as movimentações mais significativas de Las Vegas com o término da semana 1.

Minnesota Vikings: sobe

Antes da temporada começar: 6ª colocação pagando R$13 para 1
Depois da Semana 1: 2ª colocação pagando R$9,50 para 1

A vitória por 24 a 16 contra o San Francisco 49ers não retrata fielmente o desenho da partida – Minnesota dominou amplamente as ações e quase não foi ameaçado no decorrer do embate em Minneapolis. Como não poderia ser diferente, todas as atenções estavam voltadas para a estreia oficial de Kirk Cousins com o uniforme roxo – e o veterano não decepcionou quem esteve presente no US Bank Stadium: completou os 20 dos primeiros 28 passes, lançou para 244 jardas e dois – um de 102,6.

Embora o fim do duelo não tenha sido tão promissor assim, ‘Capitão Kirk’ mostrou que pode elevar esse ataque de patamar com o passar do ano – esse certamente é o principal motivo para os Vikes subirem tanto na lista de favoritos. Apesar de alguma dificuldade de Dalvin Cook pelo chão, foi uma atuação segura no geral – a monstruosa defesa mais uma vez apareceu e foi parte importante na vitória forçando quatro.

Se a ideia é apostar no título dos Vikings, melhor investir agora, pois a tendência é de que esses odds despenquem ainda mais nas próximas semanas.

Buffalo Bills: desce (muito)

Antes da temporada começar: 24ª colocação pagando R$67 para 1

Depois da Semana 1: 32ª colocação pagando R$251 para 1

Talvez nem o mais pessimista torcedor dos Bills esperava um começo de ano tão ruim depois de ter ido aos no ano passado – é possível entender a queda brusca nas casas de aposta depois de levar um 47 a 3 do Baltimore Ravens no último domingo. Essa foi, de longe, a maior surra da rodada – os Ravens dominaram o adversário nos dois lados da bola oval.

De todos os sinais de alerta, talvez o mais contundente seja de algo que todos já sabiam faz tempo: Nathan Peterman não pode ser titular na NFL. O quarterback foi totalmente dominado pela boa defesa dos Ravens completando apenas 5 dos 18 primeiros passes tentados para 24 jardas e duas interceptações. A defesa caiu bastante de produção em relação ao ano passado e não conseguiu parar Joe Flacco – que não está nem próximo de ser o melhor quarterbacks da liga. O ano em Buffalo promete ser longo.

Chicago Bears

Antes da temporada começar: 31ª colocação pagando R$101 para 1

Depois da Semana 1: 18ª colocação pagando R$46 para 1

Claro que o fantasma de Aaron Rodgers ainda deve estar assombrando o torcedor do Chicago Bears. Agora, apesar dos pesares, foi inegável que o time mostrou evolução em relação ao ano passado – dominou os Packers em pleno Lambeau Field ao longo de todo primeiro tempo. O time de Illinois está longe de ser um produto final, mas também não merecia estar em penúltimo na lista de favoritos. A troca de Khalil Mack saltou o time para 40 reais para 1. Depois da derrota de domingo, estabilizaram em 46 para 1. 

Há razões para otimismo dos lados da bola oval. No ataque, Mitch Trubisky pareceu mais confortável no novo esquema de Matt Nagy e deve evoluir ao longo do ano. Na defesa, Khalil Mack provou, em apenas um tempo com a camisa dos Bears, que pode elevar esse grupo de patamar: sack, fumble forçado, recuperação de e interceptação retornada para . Um monstro!

 

Favoritos ao título do Super Bowl 53 segundo o Oddsshark.com:

  • 1º New England Patriots – R$ R$7 para 1
  • 2º Minnesota Vikings – R$ 9,50 para 1
  • 3º Philadelphia Eagles – R$ 10 para 1
  • 4º Los Angeles Rams – R$ 10 para 1
  • 5º Pittsburgh Steelers – R$ 12 para 1
  • 6º Green Bay Packers – R$ 13 para 1
  • 7º Jacksonville Jaguars – R$ 15 para 1
  • 8º New Orleans Saints – R$ 19 para 1
  • 9º Atlanta Falcons – R$ 21 para 1
  • 10º Kansas City Chiefs – R$ 21 para 1
  • 11º Houston Texans – R$ 26 para 1
  • 12º Los Angeles Chargers – R$ 29 para 1
  • 13º Baltimore Ravens – R$ 29 para 1
  • 14º Carolina Panthers – R$ 29 para 1
  • 15º San Francisco 49ers – R$ 34 para 1
  • 16º Denver Broncos – R$ 34 para 1
  • 17º Dallas Cowboys – R$ 41 para 1
  • 18º Chicago Bears – R$ 46 para 1
  • 19º Washington Redskins – R$ 51 para 1
  • 20º Tennessee Titans – R$ 67 para 1
  • 21º Seattle Seahawks – R$ 67 para 1
  • 22º New York Giants – R$ 67 para 1
  • 23º Cincinnati Bengals – R$ 67 para 1
  • 24º Tampa Bay Buccaneers – R$ 67 para 1
  • 25º Detroit Lions – R$ 81 para 1
  • 26º Oakland Raiders – R$ 81 para 1
  • 27º Miami Dolphins – R$ 81 para 1
  • 28º Indianapolis Colts – R$ 101 para 1
  • 29º Cleveland Browns – R$ 101 para 1
  • 30º New York Jets – R$101 para 1
  • 31º Arizona Cardinals – R$ 251 para 1
  • 32º Buffalo Bills – R$ 251 para 1

 

Leia mais:   Com Mahomes voando, Chiefs buscam outra vitória fora de casa em Pittsburgh




SIGA-NOS!

Siga-nos no Instagram: @antonycurti
Inscreva-se em nosso canal do YouTube, vídeos novos toda semana.


“proclubl"