Notícias da NFL

Cutler queria jogar pelos Texans, mas time sequer atendeu suas ligações

Ah, que nunca passou por isso com a ex, né? Você manda mensagem, ela visualiza e não responde. No caso de Jay Cutler, foi pior: ele ligou para o Houston Texans, tentou um “oi sumida” e os Texans não retornaram suas ligações – a fonte é Ian Rapoport, insider da NFL Media.

Aos 34 anos e saindo de uma das piores – e se esta foi a pior, imagine as outras – temporadas de sua carreira, Cutler pediu para ser cortado (já seria de qualquer forma) do Chicago Bears nesta intertemporada. Os Bears contrataram Mike Glennon para seu lugar e hipotecaram algumas escolhas de Draft para trazer Mitchell Trubisky com a segunda escolha geral do Draft de 2017.

Aí fica o questionamento: se nem nos Texans querem Cutler, ele tem espaço em algum time da NFL? Lembre-se: Houston era o time mais carente de quarterback, dado que foi aos playoffs no ano passado, possuem uma defesa forte – J.J. Watt, Whitney Mercilus, Jadeveon Clowney e #grandeelenco – e antes do Draft, nenhuma opção na posição. Faria sentido?

Não se você lembrar que a posição de quarterback vai além de ter um braço forte como o de Cutler. O quarterback há de ser um líder dentro de campo – não uma pessoa letárgica como Jay foi em Chicago por anos. Os Texans preferiram trocar no Draft, escolher um talento ainda necessitando de lapidação – QB Deshaun Watson – e dane-se Cutler. No processo, os Browns acumularam MAIS UMA escolha de primeira rodada de Houston.

É difícil ver espaço para Cutler em algum time. Praticamente todos os carentes por signal callers resolveram a situação no Draft (pensando em longo prazo) ou com um quarterback-tampão na free agency. Os 49ers, por exemplo, trouxeram Brian Hoyer, Matt Barkley (reservas de Cutler em Chicago no ano passado) e ainda C.J Beathard pelo Draft – um projeto de Kirk Cousins, digamos. Ainda, tem Cousins free agent em 2018.

A única hipótese plausível seria o New York Jets. O time não draftou nenhum quarterback – embora tenha trazido Josh McCown (outro ex-reserva de Cutler, QUE FASE) na free agency. A tendência é que, por incrível que pareça, Cutler continue desempregado. Não que ele se importe, né.

Comentários? Feedback? Siga-me no twitter em @CurtiAntony ou no facebook – e ainda, nosso site em @profootballbr e curta-nos no Facebook.

Cutler queria jogar pelos Texans, mas time sequer atendeu suas ligações

Mais lidas da Semana

To Top