Uma senha sera enviada para seu e-mail

Nesta terça-feira, postei aqui no ProFootball os valores totais do teto salarial por franquia. Embora o teto seja de 177 milhões para a temporada 2018, os times não têm todos o mesmo teto: há uma regra que permite que alguns gastem mais. O que um dado não gastou no ano anterior – respeitado o piso de gastos, que também existe – pode entrar, em %, para o ano posterior.

Textos importantes para você entender tudo o que rola na intertemporada:
O que é esse Combine do Draft que tanto falam?
Draft: o que é, como funciona e tudo que você quer saber
Draft? Free Agency? Combine? Entenda os principais termos da intertemporada (offseason) da NFL



“canecas"

Teto salarial com atletas em 2018: 117,2 milhões de dólares

Como escrevo no meu livro, a isso se dá o nome de “rollover”. Em termos simples, caso uma franquia não gaste todo o teto num dado ano, uma % dessa diferença entra como “bônus” para o ano seguinte. Daí o porquê de times como o Cleveland Browns terem (bem mais) espaço de manobra na folha do que outros.

Pois bem, considerando o teto “final” para cada time (clique aqui para conferir o do seu), quanto espaço seu time tem para gastar se considerarmos os contratos já em vigor? Abaixo, em ordem decrescente, quanto há disponível (considerando 51 jogadores assinados) para sua equipe gastar na Free Agency 2018 – a fonte é a NFLPA e o site OverTheCap.com.

Veja que algumas franquias têm números negativos. Quer dizer que elas estão ACIMA do teto salarial – e terão que se desfazer de alguns jogadores até o dia 14, às 18h, para estarem abaixo do teto.

Atualizado em: 6 de março, 22:35

 

 

  1. Cleveland Browns: 108,6 milhões de dólares
  2. New York Jets: 89,25 milhões de dólares
  3. Indianapolis Colts: 72,7 milhões de dólares
  4. Tampa Bay Buccaneers: 69,775 milhões de dólares
  5. San Francisco 49ers: 66,2 milhões de dólares
  6. Houston Texans: 62,38 milhões de dólares
  7. Chicago Bears: 60,62 milhões de dólares
  8. Washington: 47,72 milhões de dólares
  9. Minnesota Vikings: 47,63 milhões de dólares
  10. Tennessee Titans: 45,9 milhões de dólares
  11. Los Angeles Rams: 38,8 milhões de dólares
  12. Cincinnati Bengals: 33,8 milhões de dólares
  13. New Orleans Saints: 30,2 milhões de dólares
  14. Jacksonville Jaguars: 29,04 milhões de dólares
  15. Detroit Lions: 26,66 milhões de dólares
  16. Carolina Panthers: 26,53 milhões de dólares
  17. Buffalo Bills: 24,26 milhões de dólares
  18. New York Giants: 23,03 milhões de dólares
  19. Denver Broncos: 23,02 milhões de dólares
  20. Los Angeles Chargers: 22,34 milhões de dólares
  21. Arizona Cardinals: 20,23 milhões de dólares
  22. Oakland Raiders: 17,35 milhões de dólares
  23. Green Bay Packers: 15,6 milhões de dólares
  24. Atlanta Falcons: 12,4 milhões de dólares
  25. New England Patriots: 13,127 milhões de dólares
  26. Seattle Seahawks: 10,2 milhões de dólares
  27. Baltimore Ravens: 8,8 milhões de dólares
  28. Pittsburgh Steelers: 5,1 milhões de dólares
  29. Dallas Cowboys: 12 mil dólares
  30. Kansas City Chiefs: – 3,2 milhões de dólares
  31. Miami Dolphins: – 8 milhões de dólares
  32. Philadelphia Eagles: – 11 milhões de dólares

 


Este texto é uma amostra do material que estamos preparando para a Free Agency: vários textos exclusivos num guia único no Brasil – exclusivo para assinantes de nosso site. Não deixe de conferir os benefícios e assinar – a Revista-Guia da Free Agency é apenas um dos benefícios. Além do PDF, os textos exclusivos estão aqui no site também.

Assine Agora, Planos a partir de R$ 9,90/mês